terça-feira, 1 de junho de 2010

Índios acampados na Esplanada dos Ministérios resistem a retirada

Apesar de uma ordem judicial, o grupo de 60 índios, acampados em frente ao Ministério da Justiça desde janeiro deste ano, resistem em deixar o local. Desde das 07h30 desta terça-feira (1º/6), oitenta homens da Polícia Federal, da Polícia Militar e do Bope tentam pacificamente retirar os indígenas. A liminar da 6ª Vara Federal determina que os indígenas mantenham pelo menos mil metros de distância do prédio do órgão público.
O acampamento é uma manifestação para solicitar a revogação do Decreto Presidencial 7.056/09 - que extingue 40 administrações regionais, 337 polos indígenas e substitui antigos servidores da Fundação Nacional do Índio (Funai). Ao todo, 15 administrações serão fechadas ou reestruturadas em diversos estados do país. Entre elas, a da Paraíba e a do Recife. Os índios ainda querem a destituição do cargo do presidente da fundação, Márcio Meira.
Fonte: Correio Braziliense

Nenhum comentário: