quarta-feira, 18 de março de 2009

O que é melhor para o ambiente: filtro de café ou de pano?

A questão acima foi levantada no quadro chamado “Dúvidas Éticas” do Jornal Folha de São Paulo, do dia 15/03/09. E a resposta dada foi bastante interessante, reconhecendo, mais uma vez, o valor dos costumes tradicionais.

De acordo com Camila Borelli, coordenadora do curso de engenharia textil da FEI-SP, tanto o coador de pano quanto o de papel são feitos de materiais biodegradáveis, contudo o filtro de pano polui menos que o de pasta de celulose (papel). Além disso, Camila acrescenta que o tecido com poros ideais para coar café é feito de algodão puro e se reintegra à natureza em até 5 meses.

Camila esclarece, ainda, que enquanto o filtro de tecido tem vida útil média de 6 meses - desde que lavado com sabão neutro após o uso, o filtro de papel pode ser usado uma única vez apenas. O coador descartável pode até ser reciclado, mas o processo de reciclagem que inclui branqueamento é mais caro do que a feitura do pano, diz José Neves, pesquisador do IPT.

Por fim, de acordo com a barista Isabela Magalhães, o método “meia da vovó” de coar também garante um café mais saboroso, pois enquanto o de papel retém parte do oleo responsável pelo sabor da bebida, o de pano deixa todo o sabor do grão passar.

Que vontade de tomar aquele cafezinho, hein? Vamos usar a “meia da vovó” então…

Fonte: Folha de São Paulo, 15/03/2009.
Fonte da Foto: ABIC

9 comentários:

Leila disse...

Heeeee!!!!!
Estão todos convidados para um cafezinho aqui em casa.

Patricia Vilas Boas disse...

Olha que eu vou mesmo, hein? Dia 03 de abril estarei chegando...

Bárbara Moreno disse...

que inveja!!!

mas meninas, certa vez li uma reportagem dizendo que o coador de pano era anti-higienico, pois ele deve sermto bem lavado, o que quase nunca acontece...ele não seca direito e pode mofar, juntar diversas bactérias dentre outras coisas.Então, vamos usar sim o coador de pano, mas vamos tb lavá-lo bem e deixá-lo secar direitinho!ai contribuimos para o meio ambiente e para nossa saude tb!e falando em café, vou buscar um!

Adriano Carreira disse...

pior ainda é que com o uso do coador de papel o saquinho da lixeira tb enche mais rápido, aumentando a quantidade de plástico depositado nos aterros sanitários.

Cristiana disse...

Tudo bem, acho válido o uso do coador de pano. Mas só estamos nos referindo ao preparo do café em filtragem ...e os outros?(Existe ainda a percolação, a prensagem e a pressão)
Queria saber principalmente da percolação,que é o método da famosa cafeteira italiana, muito utilizada na Europa.
"Método onde se coloca o pó de café no centro de um equipamento moka, que posicionado em um fogão faz a água entrar em ebulição e pressionar café líquido para um recipiente."
Nesse tipo de preparo não há descarte de nada além do pó do café e a economia é grande pois o café rende mais e fica mais encorpado.

cris disse...

Tudo bem, acho válido o uso do coador de pano. Mas só estamos nos referindo ao preparo do café em filtragem ...e os outros?(Existe ainda a percolação, a prensagem e a pressão)
Queria saber principalmente da percolação,que é o método da famosa cafeteira italiana, muito utilizada na Europa.
"Método onde se coloca o pó de café no centro de um equipamento moka, que posicionado em um fogão faz a água entrar em ebulição e pressionar café líquido para um recipiente."
Nesse tipo de preparo não há descarte de nada além do pó do café e a economia é grande pois o café rende mais e fica mais encorpado.

Patricia Vilas Boas disse...

Olá Cris. Concordo com vc sobre os outros tipos de cafeteira. Mas é bom lembrar que até pouco tempo atrás muitas pessoas ainda não tinham acesso a cafeteiras italianas, por exemplo. Hoje é comum encontrá-las nas casas, mas antes não era assim. E acho que a reportagem se refere às formas mais usadas por brasileiros de uma maneira geral, inclusive pelas classes mais baixas da população que não abrem mão do cafezinho. De toda forma, se usarmos a cafeteira italiana como vc bem disse, nenhum lixo será gerado! É verdade, nesse quesito então ela se mostra mais ecológica do que as formas tradicionais de fazer café. Outro ponto de discussão é sobre o processo de fabricação das cafeteiras, que também dá o que falar...Obrigada pela mensagem!

FAZER POR QUERER disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
FAZER POR QUERER disse...
Este comentário foi removido pelo autor.